Blefaroplastia

Blefaroplastia

O que é?

Blefaroplastia é a cirurgia plástica das pálpebras que corrige os excesso de pele e gordura (bolsas palpebrais) e a flacidez. Em certos casos, melhora o aspecto funcional da região além do estético.

Já o Rejuvenescimento Periorbital é um conceito de rejuvenescimento orbitário ou periorbitário (na região dos olhos) que evoluiu muito com as novas técnicas de endoscopia e laser. Elas possibilitam um aspecto mais jovial, com o posicionamento do supercílio, pálpebras sem cicatrizes e grande melhoria à nivel de rugas. As "rugas de expressão", devido à ação do músculo orbicular têm indicação para aplicação de toxina botulínica (Botox ou Dysport), que mantém esta região em repouso.

O que você precisa saber

1) Cicatriz: Localiza-se no sulco palpebral da pálpebra superior. Como a pele das pálpebras é de espessura muito fina, a cicatriz tende a ficar praticamente invisível.

2) Anestesia: A maioria dos casos são operados sob anestesia local, com ou sem sedação.

3) Tempo cirúrgico: Em torno de uma hora.

4) Idade: Não existe uma idade ideal. A época certa é determinada pela presença do defeito a ser corrigido e isto pode ocorrer em qualquer idade.

Pré-operatório

1) Exames complementares a serem especificados.

2) Fotografia da região é importante para avaliação, programação cirúrgica e documentação.

3) Compareça na clínica no dia e horário combinados, de preferência acompanhada, principalmente se a cirurgia for ambulatorial.

4) Não leve para a clínica jóias e outro objetos de valor.

5) Não pinte as unhas.

6) Qualquer intercorrência como doenças (gripe, febre, infecção) ou outros motivos que acarretem a suspensão da cirurgia, avise com antecedência.

7) Pode ser feito uso de Arnica para evitar equimoses (roxos). Este deve ser iniciado de uma semana a dez dias antes da cirurgia. Faça uma avaliação com o clínico para orientação de medicações pré-operatórias importantes na cicatrização e equilíbrio do organismo, visando uma melhor recuperação.

Cuidados

1) Jejum de no mínimo 6 horas antes do início da cirurgia.

2) Medicação para hipertensão e outras doenças deve ser informada para posterior orientação.

3) Não tome medicação que contenha ácido acetil salicílico (ex.: AAS, Ronal, Buferin, Aspirina), uma semana antes e uma semana após a cirurgia porque aumenta o sangramento.

4) Medicação para emagrecimento deve ser suspensa 15 dias antes da cirurgia.

5) Não fume 15 dias antes e 15 dias após a cirurgia. Que tal aproveitar para parar de fumar ?

Pós-operatório

1) Dor: Geralmente não é importante. Mesmo que ocorra uma sensibilidade maior ou pequenos surtos de dor, estes podem ser perfeitamente abolidos com o uso de analgésicos comuns.

2) Tempo de Internamento: Normalmente, é um procedimento ambulatorial.

3) Primeiros Curativos: Compressas geladas sobre as pálpebras com soro fisiológico ou chá de camomila, constantemente durante 48 horas.

4) Banho: Banho normal.

5) Alimentação: Livre após a cirurgia.

6) Equimoses (roxos): As pálpebras podem ficar mais ou menos roxas, dependendo de características pessoais. Continue fazendo as compressas e pode ser usado pomada ou gel para dissipar roxos.

7) Edemas (inchaço): Varia de paciente para paciente. Normalmente, há inchaço nas primeiras 48 horas. Alguns pacientes apresentam, já no quarto ou quinto dia pós-cirúrgico, um aspecto bastante normal, outros, atingem este resultado após o sétimo dia.

8) Secreção: É normal o acúmulo de secreção pela manhã. Limpe os olhos com água boricada ou soro fisiológico várias vezes ao dia. Não esfregue, nem coce os olhos.

9) Remoção de Pontos: A retirada dos pontos é feita em torno de cinco a sete dias após a cirurgia. Pode-se também fazer uso de cola cirúrgica, não necessitando desta forma a remoção de pontos.

10) Esforços Físicos: Evite-os na primeira semana.

11) Sol: Não se exponha ao sol durante dois meses. Recomendamos a utilização de filtro solar repassado a cada três horas (FPS acima de 20).

12) Maquiagem: Já é permitida após o 7º dia.

13) Hidratação e Drenagem: É importante a hidratação da pele e a realização de massagens para acelerar a recuperação.

14) Sensibilidade: Pode existir pequena área insensível próxima aos cílios, que retorna após 1 mês.

Será que isto vai desaparecer?

Toda cirurgia envolve um período próprio de recuperação. Dê tempo ao tempo, que seu organismo se encarregará de dissipar pequenos transtornos que infalivelmente chamarão a atenção de alguma pessoa que não se furtará à observação: "Será que isto vai desaparecer?” Não deixe de nos transmitir qualquer tipo de preocupação. Daremos os esclarecimentos necessários para sua tranquilidade.

Resultado final

Inicialmente, durante os primeiros quatro meses pós-cirúrgicos, a região apresenta-se em recuperação, mas com o passar do tempo, vai havendo uma acomodação gradativa de tecidos orgânicos. Neste período, a cicatriz apresenta-se mais avermelhada e endurecida, mas depois torna-se mais delgada e pálida.
À partir do segundo mês acontece nova sessão fotográfica para comparação do pré e pós-operatório (antes e depois). Esta reavaliação que poderá indicar a necessidade de algum retoque, procedimento este considerado comum em cirurgia plástica, e deverá ser realizado após o 6º mês e no prazo máximo de dez meses após a cirurgia.

Rua Des. Vieira Cavalcanti, 590
Mercês - 80510-090 - Curitiba/PR